Microsoft traz voluntários para África


Publicado por: Lutz Ziob, Decano da Academia 4Afrika

Kunle Awosika, gerente nacional da Microsoft Quénia, compartilhou uma visão interessante comigo no outro dia. Ele disse que ele leu um artigo que afirmava que, de acordo com uma sondagem realizada pela PwC, 75% dos CEOs da região têm necessidade de trabalhadores qualificados. Ele acrescentou que, até 2015, a África deve atrair USD 150 bilhões de comércio estrangeiro. E o maior desafio é que não existem trabalhadores qualificados suficientes para atender a estes requisitos comerciais. 

 Na Microsoft, estamos bem conscientes da lacuna substancial que existe entre a procura e a oferta de desenvolvimento de competências em África. Pessoas de todo o continente anseiam oportunidades de aprendizagem, mas simplesmente não há um número suficiente destas. Através da nossa Iniciativa 4Afrika, temos a intenção de aumentar essas oportunidades e ajudar a trazer competências de classe mundial aos Africanos. Estamos continuamente a desenvolver mais programas para nos ajudar a alcançar este objectivo. E recentemente desenvolvemos mais um… 

Existem actualmente mais de 100000 pessoas em todo o mundo que trabalham para a Microsoft. Temos uma rede intercontinental com algumas das mentes mais brilhantes com experiência em TI, Comercialização, Engenharia e muito mais. E assim, nós pensámos, qual a melhor maneira de ajudar a trazer competências críticas para a África do que através do nosso vasto conjunto de talentos? 

Diga Olá a MySkills4Afrika.

MySkills4Afrika é um programa voluntário de funcionários da Microsoft. Foi concebido para permitir que funcionários da Microsoft, de todo o mundo, desempenhem um papel importante na melhoria da competitividade da África. Estamos dando aos funcionários a oportunidade de orientar, formar e treinar desenvolvedores, parceiros, líderes governamentais, PMEs e recém-formados Africanos. Estamos a incentivar funcionários técnicos e não técnicos para também participarem. Desta forma, podemos trazer uma gama muito maior de competências necessárias, incluindo comercialização, vendas, liderança, operações comerciais, gestão de projectos, RH, desenvolvimento de aplicativos, infra-estrutura e computação em nuvem. Como um dos nossos voluntários disse: "Este programa não é sobre pintar uma escola ou plantar árvores. É sobre o desenvolvimento de clima de negócios na África para capacitar pessoas para competir e alcançar o seu pleno potencial.” 

Samar Patel, Director Regional de Vendas da Techno Brain Ltd. Um dos parceiros da Microsoft beneficiou através deste programa com os seus gerentes de desenvolvimento de negócios da África Oriental que receberam formação de um dos voluntários. Ele disse que "MySkills4Afrika auxiliou-nos na compreensão de como diversos mercados e culturas operam para fortalecer e desenvolver competências na África.”

E os benefícios são duplos. A cada funcionário que seja aceite no programa será atribuída uma área específica de foco e uma série de tarefas virtuais. Em seguida, passarão uma ou duas semanas no terreno em África. Por isso, também estamos a promover desenvolvimento de liderança global e competências entre os nossos próprios funcionários, bem como uma melhor compreensão dos mercados Africanos em toda a empresa.

 Já estamos a observar enormes sucessos do programa, tanto do lado do beneficiário como dos nossos funcionários, que atestam que as suas vidas mudaram positivamente através da experiência. Estes incluem Melanie  Sharpe da China, Michelle Agudera da Holanda, e Jossie Tirado do México baseados a partir de Seattle

 Eis o que eles disseram.

“Chegamos ao final de uma semana incrível em Joanesburgo. Com Darren Daniels & Lindi Chatterton, lançámos um programa de desenvolvimento de Elevação de Carreira para mais de 150 estagiários de Student2Business da Microsoft que estão a ser treinados em tecnologia MSFT em Joanesburgo. Estamos a sentir o impacto do programa S2B hercúleo e da nossa paixão … Obrigado pela incrível oportunidade MySkills4Afrika!”

– Melanie Sharpe, voluntária em Joanesburgo 

“Fiquei realmente surpreendida com quantas oportunidades de voluntariado existem. Um espectro real, de formação técnica profunda, a vendas duras, continuando até desenvolvimento da carreira. Deixo a África do Sul com um coração mais pesado e mais completo, regressando a Amesterdão com um novo amor por este país e o seu povo.”– Michelle Agudera, voluntária em Joanesburgo.

“Eu fui aceite para mostrar Office 2013/Office 365. A minha audiência incluiu estudantes, novos desenvolvedores, pequenas empresas e pesquisadores. Apercebemo-nos como as competências que usamos todos os dias são muitas vezes consideradas pouco importantes. Faz uma diferença fundamental quando as compartilha com pequenas empresas e empresários em mercados como a África.”

– Jossie Tirado, voluntária no Quénia 

Estamos animados por ver funcionários, como Melanie, Michelle e Jossie, contribuindo com o seu tempo, talento e perícia. Estão a partilhar competências e perspectivas vitais, que estão a auxiliar os Africanos a crescer, inovar e competir a nível global. E esse é o nosso objectivo. MySkills4Afrika aguarda com expectativa ver mais de 50 voluntários de 17 países trabalharem no Quénia, África do Sul, Nigéria, Uganda, Botsuana, Tunísia, Marrocos, Maurícias, Tanzânia e Egipto. Veremos também 200 voluntários adicionais a realizarem o seu trabalho virtualmente. Aguardamos ansiosamente as suas histórias de sucesso, e observaremos de perto à medida que capacitam pessoas em toda a África.


Comments (0)

Skip to main content