Torna-te no próximo grande êxito em África


Publicado por: Dele Akinsade, Chefe de Evangelismo de Plataforma de Desenvolvedor, África ao Sul do Sara e Ilhas do Oceano Índico

Certamente tenho o melhor emprego na Microsoft. Apercebo-me da paixão dos jovens que usam tecnologia todos os dias, e como um pouco de imaginação pode resolver problemas aparentemente impossíveis. Como os vencedores da United Nations Women’s Empowerment Award da Imagine Cup deste ano, Equipe Code 8 do Uganda, que desenvolveram uma aplicação de Windows designada Matibabu que diagnostica malária sem picar qualquer parte do corpo! Colocando um sensor Kinect no dedo, a condição da malária é comunicada ao smartphone em segundos, e é grátis! Do coração de África, aqui está uma inovação que tem o potencial de salvar vidas em todo o Mundo.  

A Equipe Code 8 verdadeiramente merece o seu sucesso, e o seu trabalho árduo e dedicação são inspiradores. Encontrei-me com eles após as Finais Mundiais da  Imagine Cup em São Petersburgo e falámos sobre alguns pontos salientes da sua competição. “Poder apresentar o nosso projecto a Matt Smith, que é o famoso doutor de Doctor Who da BBC, é um ponto alto definitivo,” disse Josiah Kavuma, o mentor da equipe. 

Quando lhe perguntei como se sentiu ao vencer, Josiah sorriu ao lembrar-se. “Foi fantástico, não deixámos de sorrir. Foi um dos melhores momentos que partilhámos como equipe.”

Também conversámos sobre as aplicações apresentadas na competição que nos inspiraram mais. A favorita da Equipe Code 8 foi SoundSYNK, desenvolvida pela equipe do Reino Unido Team Colinked, que é uma aplicação que permite a sincronização de música a tocar entre diversos dispositivos de Windows em perfeita harmonia, essencialmente criando um sistema de som estereofónico. “O efeito é estonteante,” disse Josiah.

A minha favorita pessoal foi a aplicação da equipe Portuguesa For a Better World, que usa um dispositivo portátil para determinar o tipo sanguíneo de uma pessoa em cerca de cinco minutos – não surpreende ter vencido
o Prémio Cidadania Mundial.

Para além do prémio de USD 12 000, a Equipe Code 8 possuirá memórias para toda a vida por terem participado na competição – trabalhando com colegas, visitando uma cidade de classe mundial, e estando expostos às melhores ideias tecnológicas mundiais. O êxito da equipe sem dúvida afectará desenvolvedores aspirantes no Uganda e outros países Africanos, e a todos os estudantes por aí, eu digo não permitam que as circunstâncias vos definam. Inspirem-se com o que vêem em torno de vós. Sejam a nova África!

Aguardo ansiosamente para ver mais estudantes locais apresentarem invenções que terão impacto positivo sobre milhões de pessoas no continente, e no Mundo. No próximo ano, creio que e-commerce (comércio electrónico) será o próximo grande êxito no desenvolvimento de aplicações, pois apresenta o maior potencial para resolver o problema de inclusão financeira em muitas partes de África – vejam só o êxito de Mpesa.

Mas por agora, tomem atenção ao armazém de Windows para novas aplicações diárias que mudam a vida. E em algumas semanas, Matibabu estará disponível para descarga!

Comments (1)

  1. Durval Ramos says:

    Excelente trabalho, precisamos de mais açoes como estas.