Usando a transferência de consulta






Artigo original publicado em 22 de outubro de 2009, quinta-feira


Uma das características pouco conhecidas do Office Communicator é a capacidade de fazer transferências de consulta..  Muitas vezes fomos solicitados a incluir esse recurso, porém ele já está incluído!


Como experiência, uma transferência de consulta é um cenário comum onde, antes de transferir a ligação para alguém, você contata a pessoa para a qual está transferindo a chamada para primeiro garantir que ela pode atender a chamada. Vamos percorrer este cenário para mostrar como isso é feito usando o Office Communicator.


Marc Boyer, um cliente meu, me ligou e está perguntando sobre o projeto em que estamos trabalhando.



Como eu não tenho a experiência nesse projeto específico, eu começo uma nova chamada telefônica com Steve Chang da lista de contatos, o gerente desse determinado projeto.   Quando eu começo a nova chamada com Steve, chamada de Marc é automaticamente colocada em espera.





Steve indicou que ele está livre para atender a chamada, então eu volto para a janela de conversa do Marc e clico no botão de transferência. O menu de transferência inclui automaticamente as pessoas com as quais eu estou falando no momento e eu posso selecionar Steve Chang daqui. 



Enquanto a chamada é transferida, posso ver o status da janela de conversa de ambos.  Após conclusão da transferência, ambas as janelas são fechadas 🙂




A parte boa sobre o Office Communicator é que você não está apenas limitado à consulta através de um telefonema.  Da próxima vez que você desejar consultar alguém antes de transferir, tente usar uma mensagem instantânea.



Como você pode ver a partir deste cenário simples, a possibilidade de consultar uma pessoa antes de enviar uma chamada telefônica para ela pode ser bastante útil para assegurar que a pessoa está disponível, e tem a experiência necessária para ajudar o chamador.

– Jason Tuck
Gerente de Programa
Publicado em 21 de outubro de 2009, quarta-feira, às 5:00h por equipeoc



Esta é uma postagem de blog traduzida. Consulte o artigo original sobre como Using Consultative Transfer


Comments (0)