Instalando e configurando o Cloud Distribution Point – Parte 2 – Instalação

Nesse Post vamos mostrar como realizar a instalação e configuração do Cloud Distribution Point.

No post anterior, já realizamos toda a criação e configuração de certificados. Agora vamos iniciar a configuração do Cloud Distribution Point na console do System Center Configuration Manager. Em Administration, vá até Cloud Services, clique com o direito em Cloud Distribution Points e logo após Create Cloud Distribution Point conforme abaixo.

01 - CloudDP_Config

Na janela abaixo digite a sua Subscription ID da conta do Azure e clique em Browse para selecionar o Certificado de Gerenciamento da sua conta no Azure.

02 - CloudDP_Config

Agora clique em browse e selecione o certificado criado para o serviço de Cloud Distribution Point. Note que, só após selecionar o certificado, os Campos Service FQDN e Service Name serão preenchidos.

Escolha a Region e o Primary Site que o Cloud Distribution Point irá responder e clique em Next.

03 - CloudDP_Config

Selecione os valores para alerta de transferência de dados e clique em Next.

04 - CloudDP_Config

No Summary, clique em Next para que o System Center Configuration Manager execute a configuração.

05 - CloudDP_Config

Agora clique em Close.

06 - CloudDP_Config

Finalizando todo o processo com sucesso, agora podemos acompanhar o provisionamento do serviço no Azure pela console e também através do log CloudMGR.log.

Outro log importante é o CloudDP-<guid>.log para acompanhar a saúde do serviço, informação sobre armazenamento e acompanhar a conexão com os clientes que buscam conteúdo no Cloud Distribution Point.

07 - CloudDP_Config

Agora para realizar um teste, faça a distribuição de algum conteúdo para o Cloud Distribution Point e acompanhe nos logs Distmgr.log, CloudDP-<guid>.log como também pela console.

08 - CloudDP_Config

Finalizando, para que os Clientes do System Center Configuration Manager consigam acessar o conteúdo no Cloud Distribution Point, é necessário criar um CNAME no DNS com o Alias Name, que é o Common Name do serviço, e o Fully Qualified Domain Name, que é o Service Name que anotamos nos passos anteriores no seguinte formato abaixo, ServiceName.cloudapp.net.

Note que é crucial o cliente ter acesso ao CNAME para que consiga localizar conteúdo com sucesso.

01 Capture

Finalizamos então toda a configuração necessária para o Cloud Distribution Point e o mesmo já está pronto para ser utilizado.


Conteúdo criado e publicado por:
Jeovan M Barbosa
Microsoft PFE
Configuration Manager